segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Querido John

Queridos amigos,

Este post descreve a história do filme e do livro "Querido John", inclusive seus finais. Se não quiser saber, não leia.


Faz aproximadamente 3 meses que comprei o livro e não havia passado da introdução, até que 6ª feira começei a desfrutá-lo. Um romance lindo e certeza de um final feliz.

Me empolguei tanto que peguei o filme na locadora. Prorroguei ao máximo assisti-lo, pois queria agilizar a leitura.

Ontem de tarde, eu já estava lá pela página 200 do livro, então resolvi encarar o filme.

Apesar de alguns pontos serem diferentes do livro (até a parte que eu havia lido), a história seguia o mesmo enredo. O final foi bonito e Savannah e John, após vários anos, tragédias e vivências, acabaram juntos.

No tempo em que estavam separados, Savannah se casa por piedade e amizade com o melhor amigo Tim, doente de um câncer terminal. Depois de ficar viúva, ela escreve novamente para John, após 5 anos de sua última carta e ele então volta aos seus braços.

Tudo tão lindo, que ao final do filme, devorei o livro e eis que no decorrer da história, Savannah não se casa com Tim por amizade e sim por amor. Ela troca John, apenas 6 meses antes de ele concluir seu tempo no Exército.

Depois de 1 ano casados, Tim descobre um câncer, e assim como no filme, John volta a procurar Savannah após a morte de seu pai, doando novamente sua herança para o tratamento de Tim. Mas no livro, Tim vive e Savannah e John, mesmo separados há tantos anos, continuam se amando e observando o céu na 1ª noite de lua cheia.

Fiquei arrasada e decepcionada com o desfecho do livro, afinal sempre espero o final perfeito, o casal principal junto e feliz, e não dois coração apaixonados e SEPARADOS.

Savannah trouxe momentos maravilhosos para a vida de John, mas simplesmente não teve paciência para esperá-lo por mais 6 meses.

É sempre difícil para quem fica ver o outro partir, mas decisões como a de Savannah, de se entregar à um novo amor, refletem por toda a vida. E simplesmente quando John voltou, apesar de amá-lo imensamente, não era possível ela largar o marido doente para ficar com seu grande amor.

Trazendo isso para nossas vidas reais, muitas vezes queremos tudo imediatamente, encontros, retornos, ligações, sexo, amor, paixão, entrega, mas tudo tem seu momento e tempo. Somos tão impacientes em relação ao que depende dos outros, sem entender que cada pessoa teve suas vivências e um passado que faz com que ela se entregue ou se doe imediatamente. Às vezes perdemos a paciência e magoamos quem nos queria verdadeiramente.

Não temos paciência para esperar o desenrolar das coisas e perdemos tantas coisas boas, um novo amor, uma promoção no emprego, amizades, viagens, etc. Não sei dizer se no lugar de Savannah eu esperaria meu John, mas acho provável que sim.

Eu já estive nas 2 posições, na de quem foi e na de quem ficou. Quando fui embora, o retorno foi arrasador. Mas quando fiquei, apesar do medo e da insegurança, agüentei firme. Isso no que refere-se ao amor, porque quando trata-se do lado profissional, já desisti inúmeras vezes.

Tanto o filme quanto o livro me fizeram pensar muito e vejo que tenho muito para aprender, mas quero pensar que quando eu tiver meu “John”, que não desistirei facilmente do meu grande e verdadeiro amor e tentarei ser compreensiva em relação aos seus problemas e as peças que o destino nos prega.


Beijos,
Isa

5 comentários:

  1. é melhor o filme,pq savannah e john ficam juntos,triste pq tim morre e o pai de john também o livro deveria ser igual!!!!
    li o livro adoreii e o filme tb!!!

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei muito no livro ,mais não assistir o filme ainda.Apesar de no livro eles não terminarem juntos e muitas pessoas terem se decepcionado,para mim isso só mostra o quanto ele a amava e por isso sacrificou a sua felicidade por ela e apesar de muitas pessoas não terem notado nos últimos parágrafos do texto mostra que ele voltou para ver ela e apesar dela não saber disso ela sai para ver a lua e ele não esperava por isso pensava que ela já tinha se esquecido da prometido que fizeram na primeira carta que ela deu para ele e isso só mostra que apesar de tudo e apesar do tempo eles continuaram se amando,talvez ainda mais do que antes.

    ResponderExcluir
  3. gente fiquei facinada com o livro principalmente com o filme.ganhei o livro da minha mae,porque ela disse que se parece com a minha historia,eu já havia assisti o filme antes e vi que realmente parecia com minha historia.estou esperando meu namorado Fabio que esta ingressando no exercito AMERICANO,EU AQUI NO BRASIL E ELE LÁ NO EUA,nos comunicamos assim por email,telefone,cartas...ainda choro como no dia em que me despedi dele no aeroporto aqui no Brail da ultima vez(2009)tentei tirar meu visto esse mes,mas me negaram :( pois é....doi muito ver quem agente ama longe,ainda estou aqui com meus sentimentos como se fosse a primeira vez que eu o conhenci(2006.hoje eu tenho 25 anos,minha familia fica muito encima de mim por eu esperar tanto,porem eu o amo com todas as minhas forças,eu tenho certeza do que eu quero,(eu quero ele)na minha vida o quanto antes,eu teria todos os motivos para desistir,mas meu sentimentos sao maiores que meus motivos,nao sei se estou agindo certo ou errado...nao sei mesmo...a unica certeza é que O AMO E AMO DEMAIS ATE...ME CHAMO TATHIANNY MACHADO

    ResponderExcluir
  4. Gente eu chorei horrores lendo o livro é muito intresante o autor soube colocar um ponto final na história que até no final eu pensei que Savannah poderia ficar cm jonh..mas nem todas as hitórias termina cm um final feliz..porém foi uma linda história de Amor.

    ResponderExcluir
  5. Li O Livro mas ainda não vi o filme, e sim gostei muito livro pois ele é bem real já que na vida as coisas são bem mais complicadas e nem sempre ficar juntos é o melhor.

    ResponderExcluir